Meus 6 momentos favoritos em Londres

Em 19.06.2016   Arquivado em Eurotrip, Londres, Viagens

Em Fevereiro eu e meu namorado tivemos a oportunidade de visitar Londres, uma cidade incrível e que apesar de termos ficado apenas um dia já conquistou completamente meu coração. Como andar por ela e não me lembrar do meu filme favorito (Harry Potter)? Como não se apaixonar pelo jeitinho britânico de ser? Impossível ir até o Palácio de Buckingham e não tentar arrancar um sorriso dos guardas reais, impossível não contar os dias para voltar até lá e viver tudo isso de novo.

Apesar de termos ficado apenas um dia deu para aproveitar tanto! Optamos por fazer o passeio à pé e deu para conhecer praticamente todos os pontos turísticos (só faltou conhecer a London bridge), e essa foi a melhor decisão do mundo! Os principais pontos turísticos ficam praticamente um ao lado do outro, e dessa forma deu para ver melhor os costumes, arquitetura e detalhes que só andando conseguimos ver. Pensando nisso, assim como fiz nesse post de Paris, separei em fotos os meus seis momentos favoritos na terra da rainha, e espero que gostem <3 .

Londres

ESTAR NA PLATAFORMA 9 3/4

Como passamos apenas um dia em Londres o roteiro foi elaborado para visitarmos praticamente todos os pontos turísticos famosos à pé, principalmente lugares envolvendo Harry Potter de alguma maneira, e eu como uma boa fã é óbvio que tirei essa foto, não é? Na verdade a plataforma “real” fica ao lado dessa, mas para ter acesso precisa comprar bilhetes e nós não queríamos, porém gravei tudo no vlog que logo logo vocês verão. Infelizmente não tive tempo de ir até a Warner Bros, mas isso logo será resolvido pois voltarei para a terra da rainha em breve ;) .

Londres

TIRAR FOTOS DAS CABINES TELEFÔNICAS

Essas cabines são tão fotogênicas, não é? Apesar de ter amado fotografá-las vocês que vêem essas fotos nem imaginam o quanto são sujas e fedidas… não teve uma cabine que tentei entrar que não estava cheia de xixi (e até cocô!!!), inclusive as que ficam perto de pontos turísticos. Você que já foi para Londres viu isso também? Fiquei tão chateada :( .

Londres

VER O VERDADEIRO TEMPO LONDRINO

Londres é uma cidade que tem um vento absurdamente forte, meu cabelo literalmente dançava e ficou embolado de tanto nó, hahaha. Apesar disso fiquei encantada, pois fomos recebidos com o tempo super frio e fechado, ai do nada fez um sol delicioso, cinco minutos depois garoou e depois de 2 minutos a garoa parou e o sol abriu de novo… tem como não amar?

Londres

CAMINHAR POR PICCADILLY CIRCUS

Fã de Harry Potter é assim: faz um tour por onde os filmes foram gravados e caminha exatamente pelo mesmo lugar em que os protagonistas caminharam! Essa região é lotada de pubs, lojas legais e muitas coisas bacanas, de lá fomos caminhando até a Oxford Street para visitar uma loja da Primark, é tudo muito pertinho e tranquilo de ir à pé!

Londres

ST JAMES PARK E SUAS LINDEZAS

Foi nesse parque que vi um esquilo pela primeira vez (juro, nunca tinha visto!). É óbvio que imitei os locais e fiquei chamando a atenção deles com um barulho, e acho que quase fui atacada por um deles porque o coitadinho pensou que ia dar comidinha para ele, judiação! Esse parque é incrivelmente lindo e calmo, dá pra passar a tarde todinha deitada em seu gramado lendo um livro e olhando para o Palácio de Buckingham. Eu cresci vendo a minha avó e sua admiração pela rainha e toda a família real, mas admito que nunca gostei “tanto assim”, acho meio que desperdício de tempo, sabe? Apesar disso ter a oportunidade de ver o quanto a realeza é adorada, ver a cavalaria e os atores de rua imitando os guardas reais foi bem incrível. É claro que eu tentei chamar a atenção de dois guardas dentro do Palácio de Buckingham, mas eles literalmente não se mexem nem um milímetro!

Londres

VER O QUANTO LONDRES É “LONDRINA”

Essa frase pode parecer confusa ou até redundante, mas é sério: como Londres pode ser tão londrina assim? Essa cidade é exatamente do jeitinho que imaginava, o clima, as pessoas, os lugares… todas as vezes que vejo essa foto que meu namorado tirou meu coração para por um segundo e me pergunto se realmente estive lá, porque parece um sonho…sei lá, essa foto que mais parece um cartão postal foi tirada por nós, eu realmente estive lá e vivi tudo isso.

E é isso meus amores! Quem ai já foi ou quer ir para Londres? Quero saber, hein? ;)
Beijos, Gabi.

Facebook: Cor de rosa no facebook
Instagram: @gabirgouveia
Twitter: @blogcorderosa

Resenha: Batom Morgana da coleção Pausa para Feminices

Em 10.05.2016   Arquivado em Adoro, Dicas, Maquiagem, Meninices

Bom dia meus amores <3 . Hoje trago a resenha de um batom incrível que está nos meus posts rascunhos a muito tempo: o batom Morgana, criação da Bruna Tavares do blog Pausa para Feminices, desenvolvido pela TBlogs. Logo que o batom foi lançado tratei de garantir o meu e realmente não me arrependi nem um pouco. Ele é um tom meio beterraba e ameixa, e foi inspirado em um batom da Rihanna (a própria Bruna explicou e mostrou a inspiração nesse post aqui).

A embalagem do batom é incrível, aplicador perfeito e cheirinho incrível (não sei vocês, mas para mim quanto mais cheiroso o batom mais eu uso, hahaha). O único ponto negativo dele é que enquanto estou aplicando ele costuma manchar alguns dentes com o batom enquanto seca, mas pelo que vi em um snap da Bruna a fábrica já corrigiu isso nos lotes posteriores e agora ele seca bem mais rápido :) .

Batom Morgana Pausa Para Feminices Bruna Tavares

Como eu estou viciada em cores escuras assim (já que a maioria das minhas roupas e acessórios são pretos #góticasuave), resolvi comparar o Morgana a alguns batons que tenho em casa e que tem essa mesma paleta de cor, porém ao serem comparados podemos ver que são completamente diferentes. Vocês poderão ver também que ele é o que apesar de ser matte ainda está secando, mas como falei no começo do post a fábrica já alterou isso nos lotes posteriores, olhem só:

Batom Morgana Pausa Para Feminices Bruna Tavares

  • Batom Morganaclique aqui para comprar
  • Batom Colan Marsalaclique aqui para comprar
  • Batom Jana Make Upclique aqui para comprar
  • Batom Morgana Pausa Para Feminices Bruna Tavares

    E finalmente euzinha na cara e na coragem tirando foto em pleno domingo de manhã (hahaha) com o batom Morgana nos lábios. O batom dura aproximadamente três horas nos meus lábios, depois disso começa a esfarelar e precisa ser retocado (o que é normal e qualquer batom). Resumindo? Eu AMO esse batom e espero que fique por um bom tempo no mercado :) . Você pode comprar no site da TBlogs por R$26,29, garanto que você não vai se arrepender!

    Vocês gostam de batons com esse tom? Me contem!
    Beijos, Gabi.

    Facebook: Cor de rosa no facebook
    Instagram: @gabirgouveia
    Twitter: @blogcorderosa

    Como fazer uma viagem internacional gastando pouco

    Em 05.05.2016   Arquivado em Dicas, Paris, Viagem para Paris, Viagens

    Se eu ganhasse R$100,00 cada vez que alguém me pergunta na lata quanto eu gastei na minha viagem daria para viajar de novo daqui a dois meses, hahaha. Essa questão é super normal e compreensível, já que eu mesma tenho a curiosidade em saber o maior número de dicas possíveis dos lugares que pretendo ir, principalmente agora que quero viajar sempre que possível. A verdade é que a ideia de viajar para o exterior é um tabu para nós, onde automaticamente a maioria pensa que é um valor caro e distante da realidade. Eu também achava isso, mas agora sou a prova viva de que não é nem um pouco assim. Na verdade tudo é uma questão de saber quais são as suas prioridades.

    No post onde contei que iria fazer a viagem aproveitei e fiz um desabado, quem ai se lembra? Quando algumas pessoas souberam da viagem falavam em tom de brincadeira que eu e meu namorado eramos ricos. Todas as vezes que penso nisso fico indignada por dois motivos: o primeiro é ver que as pessoas não nos conhecem de verdade e o segundo é ver o quanto nós brasileiros temos o hábito de julgar sem antes conhecer ou saber dos fatos. Gastar R$5.000,00 em um notebook pode, mas viajar para outro país faz de você uma pessoa rica. Minha cunhada me enviou outro dia um texto que define totalmente o que penso disso: viajar não significa ser rica ou esnobe, significa fazer escolhas.

    Pensando em ajudar você que quer viajar, separei nesse post várias dicas que me ajudaram muito a realizar meu primeiro grande sonho. Lembrando que esse post é para você que como eu viaja como pode e como dá, não liga para luxo e precisa se organizar e pagar tudo sozinho.. Ah, esse post é a continuação do post em que falei como se organizar e planejar uma viagem com calma, então seria bacana você ler esse post antes de continuar a ler aqui :)

    Eurotrip Paris e Londres 2016

    PLANEJE-SE ANTECIPADAMENTE

    Quer economizar em uma viagem? Planeje-se com antecedência. Quanto mais cedo você fizer isso mais tempo você vai ter para pesquisar, comparar e negociar descontos, além de ter facilitações para pagar (principalmente se dividir no cartão de crédito).

    TENHA DATAS FLEXÍVEIS

    Acho que essa é a principal dica! Pesquisar os meses de baixa temporada fazem o orçamento final diminuir significativamente, porém para mim não funcionaria pois tiro férias em Janeiro, que é uma época de férias onde tudo fica mais caro. Apesar disso foi pesquisando muito e com bastante paciência que consegui preços incríveis e que cabiam no meu orçamento, dá sim para viajar barato mesmo em épocas de alta temporada. Basta seguir os passos abaixo sobre compra da passagem e escolha da hospedagem.

    PESQUISE AS MELHORES PASSAGENS DE AVIÃO

    Você sabia que dá sim para economizar muito na passagem de avião (que normalmente é a coisa mais cara da viagem)? Pois é. Ao pesquisar na internet e em sites especializados descobri algumas manhas e quero compartilhar com vocês neste post. Depois de ter decidido o estilo de sua viagem chegou a hora de pesquisar isso, e esse passo requer mais paciência. Existem diversos sites que você pode comprar, mas em cada um deles o valor e a forma de pagamento mudam totalmente. Quando decidimos viajar eu acessava basicamente os sites da Decolar e Submarino Viagens todos os dias e em horários diferentes (desde manhã até de madrugada), e anotava em um caderno as variações de preços, taxas e a forma de pagamento. É sério gente, os preços mudam absurdamente do dia para a noite e é por isso que pesquisando bem você consegue um bom negócio. No final fechamos pela Decolar e sem brincadeiras, conseguimos mais de R$400,00 de desconto de um dia para o outro.

    Dicas para comprar passagem aérea mais barata (nacional e internacional):
  • Não seja precipitado, tenha um caderno e anote todos os dias os preços e variações das taxas que conseguir. Faça isso por, no mínimo, três semanas antes de comprar a passagem.
  • Opte por viajar em dias alternativos (nós viajamos em uma terça-feira às 22:00 em Janeiro). Em dias como Terça, Quarta e Quinta à noite e madrugada as passagens são muito mais baratas, mesmos em época de férias e alta temporada (Janeiro, Julho e Dezembro).
  • Você já pensou que às vezes desembarcar em outro país ou cidade próximas ao seu destino pode deixar a viagem mais barata? Pesquise caminhos alternativos, na Europa por exemplo vários paises são colados e dá pra ir de trem (nós por exemplo saimos de Paris e chegamos em Londres em 2 horas de trem). Pesquise esses destinos antes de comprar vôos direto ao pais escolhido.
  • Cadastre seu e-mail para receber promoções de passagens aéreas por e-mail em sites como Decolar, Submarino Viagens e CVC. A CVC na maioria das vezes é mais cara, mas algumas promoções relâmpago são totalmente imperdíveis, vale a pena o cadastro.
  • Baixe aplicativos no celular. Por indicações na internet acabei baixando dois programas, o Voopter e Passagens imperdíveis. Nesses dois aplicativos já achei muita promoção legal como passagens de ida e volta para Londres por R$1.800,00 com as taxas inclusas.
  • Vôos com escalas são mais baratos do que vôos diretos. Se você não se importa em fazer de duas escalas para mais você vai conseguir mais promoções, mas como eu nunca tinha viajado de avião preferimos apenas uma escala e já achei cansativo :( ! Faça mais de uma escala apenas em casos extremamente especiais e se fizer uma grande diferença no orçamento final.
  • ECONOMIZE NA HOSPEDAGEM

    Se existe uma coisa que me assustou ao fechar minha viagem foram os preços dos hotéis. Em Paris, o hotel mais barato (e com cara de que tinha baratas na cama, hahaha) ficava em um bairro boêmio perto do Moulin Rouge, onde li que tinha muito barulho durante a noite e como eu amo dormir isso atrapalharia demais a vida :( . Foi aí que tive a indicação para baixar o aplicativo do Airbnb, onde você consegue alugar casas, apartamentos e estúdios em qualquer lugar do mundo e por um preço super em conta. Ficamos praticamente do lado da Torre Eiffel, o bairro tinha tudo o que precisávamos, o estúdio tinha cozinha (o que nos fez economizar muito mais), não se escutava um barulho sequer e havia estação de metrô na rua de cima. Foi um sonho poder visitar o símbolo da cidade luz praticamente todos os dias e em diversos horários <3 . Fora o Airbnb já ouvi falar em aplicativos como AlugueTemporada, mas nunca usei ou baixei. Se vocês quiserem tutorial de como usar o Airbnb e como tirar as dúvidas com a central deles me avisem e eu faço, combinado?

    ECONOMIZE NA ALIMENTAÇÃO

    Assim que fechamos a hospedagem a primeira coisa que procuramos sabe o que foi? Os preços dos alimentos em Paris. É sério galera, o mercado de lá é muito mais barato do que os do Brasil (inclusive coisas como danoninho e bolacha recheada que aqui são uma facada). Assim que chegamos em Paris fomos no Monoprix, que é uma rede estilo Lojas Americanas e fizemos uma super compra com bastante pão, bolacha, pizzas de forno, macarrão, ovos, molho, leite, manteiga, sucos e várias outras coisas para tapear a fome. Nosso intuíto era jantar todos os dias em casa e almoçar na rua (alô, McDonald’s), mas acabamos jantando de verdade apenas um dia (preferimos fazer lanches porque chegávamos moídos da rua). Ao optar pela “comida em casa” economizamos muito, porém com o ponto negativo de não termos entrado em nenhum restaurante de Paris. Se eu me arrependo? Talvez, mas isso garantiu uma grana extra para a próxima viagem, então acho que acabou compensando, rs. Na hora do almoço como estava super frio optamos por alimentos gordurosos para dar bastante energia para as loooongas caminhas.

    LEMBRE-SE: CADA CENTAVO CONTA!

    Quando decidimos de um dia para outro que iriamos viajar criamos “metas” para cumprir em relação a economizar dinheiro para a viagem. Eu sempre tive a mania de guardar dinheiro em cofrinho (minha avó me ensinou desde pequena), então sempre soube dar valor a cada centavo que tenho. Além de juntar na poupança comecei a juntar também todas as moedinhas que achava na minha bolsa, e logo meus pais e avós começaram a juntar e me presentear com mais moedinhas, hahaha. O resultado? Os passeios para o Louvre, Torre Eiffel e um dinheirinho pra gastar lá foram comprados com elas, ou seja: dê valor a cada centavinho que guarda ou ganha, eles vão fazer uma super diferença no final das contas :)

    Divisória de post

    Essas foram as principais dicas para economizar ao fazer uma viagem internacional, lembrando que todas essas dicas que estou passando realmente me ajudaram e pretendo continuar seguindo todas elas para a próxima viagem. E vocês, tem alguma dica bacana? Quero saber :)
    Beijos, Gabi.

    Facebook: Cor de rosa no facebook
    Instagram: @gabirgouveia
    Twitter: @blogcorderosa

    Página 1 de 7612345... 76Próximo